Informativo On-Line:

Cadastre-se e receba o informativo do sindicato por email.

Sindicato reintegra bancário reabilitado no Santander

NOTÍCIAS

09, julho 2018 18:32

O Santander vem demitindo ilegalmente bancários reabilitados que voltam ao trabalho após licença médica. O Sindicato tem obtido vitórias judiciais nestes casos. No último dia 20 de junho, a desembargadora Gisele Bomdim Lopes Ribeiro, determinou a reintegração do bancário Pedro Paulo Medina dos Passos (foto), entendendo ser nula a demissão, já que o banco não preencheu a vaga deixada pela dispensa, desrespeitando a cota mínima para deficientes e reabilitados, estabelecida em lei. 
Pedro tem 26 anos de banco. Estava reabilitado desde novembro de 2000. Foi demitido em 2014. Era portador de síndrome do manguito rotador, traumatismo do músculo e tendão e de outras partes do bíceps, sinovite e tenossinovite, além de tendinite biceptal, doenças comuns aos bancários e com conexão com as funções exercidas. Todas são caracterizadas como lesões por esforço repetitivo (LER/Dort). Assim, estava de licença por acidente de trabalho. A demissão foi feita de forma ilegal, abrupta e arbitrária.
“Mais uma vez a competência dos advogados da Secretaria de Assuntos Jurídicos do Sindicato ajudou a fazer justiça, com a reintegração de mais este bancário”, comentou o diretor da entidade, Marco Motta. Orientou a que os bancários, nos primeiros sintomas de LER, procurem o seu médico e o Sindicato. “Assim vão preservar a sua saúde e seus direitos”, afirmou.

Comentários


Para comentar você precisa estar logado.


Leia também:


20, July 18

Caixa joga duro e não apresenta nenhuma proposta concreta na segunda negociação

19, July 18

Bancários cobram medidas mais efetivas contra o assédio moral

19, July 18

Sindicato para agências do Itaú contra demissões e convoca bancários para a luta